No dia 21 de setembro começou a primavera, e nesta data também é comemorado o Dia da Árvore no Brasil, com o objetivo de conscientizar a população da importância da natureza em nossas vidas. Mudanças climáticas, aquecimento global, crise hídrica e de energia, esses são alguns dos assuntos mais comentados em 2021 e uma preocupação de especialistas que alertam sobre a importância da sustentabilidade e cuidados com o meio ambiente.

Curitiba sempre foi conhecida como a capital verde, devido a sua grande quantidade de parques e áreas verdes, e no mercado imobiliário não é diferente. A sustentabilidade é um dos pilares da GT Building que procura obter a chancela de selos nacionais e internacionais que confirmam o uso adequado e racional dos recursos naturais em seus empreendimentos.

Em parceria com a Realiza Arquitetura, responsável pelo projeto arquitetônico do Duet Mercês, empreendimento que será entregue de 2021, a GT Building foi além dos parâmetros mínimos de sustentabilidade e com a ajuda dos arquitetos Antônio Gonçalves e Frederico Carstens, trouxe para a capital paranaense um empreendimento baseado na sustentabilidade passiva ou design passivo. Esse conceito nasceu na Alemanha, em 1990 e tem como objetivo integrar edifícios com os recursos disponíveis na natureza.

“No Duet Mercês nós criamos uma série de cenários para que os moradores possam desfrutar o interior e o exterior do prédio, trazendo a natureza para dentro de casa. Esse projeto é chamado projeto Caelo, céu, paraíso, com um teto solar que abarca não só a praça central do empreendimento, mas também os quartos dos apartamentos, trazendo a lua e as estrelas para dentro das residências”, revela o arquiteto Frederico Carstens.

Esse teto solar é retrátil e muito funcional, em dias muito quentes ele pode ser aberto, criando um corredor de ventilação na praça central que refresca todos os apartamentos. No inverno, ele pode ser fechado, criando um efeito estufa que vai aquecer toda a área interna do prédio. “Além disso, a praça central do empreendimento foi criada como um átrio, onde os moradores podem passear em meio a um jardim horizontal que sobe pelas paredes por meio de cabos de aço e percorre todos os andares do empreendimento, e se repete na facha do prédio”, finaliza o arquiteto.

A natureza está dentro do edifício e o projeto utilizou recursos de tecnologia e inteligência para fazer com que elementos naturais sejam usados a favor dos moradores. Por meio de uma arquitetura regenerativa o empreendimento está em constante desenvolvimento e garante uma qualidade de vida e bem-estar únicos, valorizando o ambiente.

Duet Mercês

Com apartamentos de 72m² a 87m² privativos e garden a partir de 82m² privativos + terraço privativo. Está localizado na Rua Visconde do Rio Branco, 116, nas Mercês, Curitiba.

Para saber mais acesse: https://www.duetmerces.com.br/

Sobre a GT Building

A GT Building projeta empreendimentos com o propósito de entregar mais que um imóvel, um projeto de vida, atendendo aos clientes de forma personalizada, com isso já é uma das maiores incorporadoras do estado e líder no mercado de Curitiba em volume de vendas. Até o momento a empresa vendeu R$ 190 milhões no primeiro semestre de 2021, e vai lançar 90 mil m² de área construída ainda este ano. Partindo de um conceito inovador, aliado à tecnologia, modernidade, qualidade, confiança e sustentabilidade, possui em seu repertório 15 edifícios em diferentes fases. Entre eles o Casa Milano, o Bosco Centrale, o Denmark, o All Batel e o Maison Alto da Glória cada um com uma personalidade única.

Para saber mais, acesse: www.gtbuilding.com.br

Fonte: Da Redação/Assessoria GT Building