Grande sucesso entre as celebridades, os spas residenciais têm se tornado uma boa opção para quem quer descansar sem sair de casa. As artistas Ana Hickmann e Simone já compartilharam, nas redes sociais, as banheiras que instalaram nas suas mansões. Para aquelas pessoas que também desejam criar um local desses é preciso ter alguns cuidados antes de instalar qualquer equipamento. O renomado arquiteto carioca, Leandro Rhiaff, fala sobre o planejamento necessário, quais os valores e as principais novidades de decoração para o setor.

O profissional começa destacando que os cuidados com a parte técnica são muito importantes. “É necessário analisar a estrutura do edifício para saber se é possível instalar uma banheira de imersão. Contar com bons profissionais para a instalação hidráulica e de escoamento sanitário”.

As precauções não param por aí. Na hora de encomendar uma banheira ou ofurô existem pontos importantes para serem avaliados.

“É preciso dimensionar o modelo certo de ofurô, planejar o sistema hidráulico de acordo com o modelo de banheira escolhido, pensar na impermeabilização do local e sempre analisar a estrutura da edificação, para saber se o peso da banheira cheia e das pessoas que a utilizarão é suportado”.

Em relação a criação de SPA’s em casa, Leandro Rhiaff, ressalta que existe todo um aparato ao redor para garantir uma experiência mais relaxante, como sistemas de sonorização, jardins e luzes:

“É preciso planejar para que o SPA tenha boa acústica, materiais que aqueçam o ambiente, iluminação amarelada e privacidade. Sugiro que seja adaptado em uma antiga garagem, dependências de empregados, salas de banho, terraços e pátios cobertos”.

E para quem tem pouco espaço ?

Na maioria dos casos as pessoas acham que não é possível ter um espaço de relaxamento devido à falta de um local com grandes dimensões, onde possam colocar diversos itens. O profissional, porém, garante que na arquitetura e decoração tudo é possível.

“É possível ter um belíssimo espaço zen somente com algumas plantas, um aromatizador de ambiente, um ofurô e um sistema de som. Outra forma de construir esse ambiente de paz é usar madeira e pedras naturais na decoração”.

As tendências e os valores

Para os SPA’s ou espaços de relaxamento residências, Leandro Rhiaff, conta que algo que tem se destacado é a meditação. Por ser uma prática sem vínculo religioso qualquer um pode realizar em casa e as pessoas no ocidente tem adotado bastante. Ele dá dicas para os ambientes utilizados para essa atividade:

“A correria do dia a dia tem feito as pessoas desejarem um momento para estarem em paz, a sós. Além do ofurô e da sauna, cada vez mais encontro clientes que querem o seu próprio espaço para meditação, respiração consciente e pacificar o espírito. Nesses casos, almofadas, incensários, luz adequada, sons da natureza e privacidade não podem faltar.

Sobre valores, o arquiteto afirma que o custo pode variar bastante dependendo das escolhas de cada pessoa. “Uma boa referência seria de 8 a 25 mil reais, dependendo do tamanho, dos itens extras como jatos de massagem, cromoterapia e aquecimento etc”.

Reprodução: Youtube – Canal Ana Hickmann

Leandro Rhiaff

Carioca de 37 anos, Leandro formou-se na Universidade Federal do Rio de Janeiro há 13 anos, mas sua paixão pela arquitetura vem desde a infância. Com apenas 10 anos, seus desenhos começaram a chamar a atenção de amigos e familiares. Hoje, com mais de 80 projetos concluídos, Rhiaff tornou-se destaque entre a classe A+ carioca e carrega em seu currículo a especialização em Arquitetura de Luxo, formação completa em Coaching, formação em Análise de Perfil Comportamental e palestrante.

https://www.instagram.com/leandrorhiaff

Fonte:  Da Redação/Assessoria